Informa Gol | Area dos Postadores : Cadastre-se | Login

Eusebio reclama de jogo sujo de Pelé e diz que Mané, 'paralítico', foi melhor

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Exaltado, português causa polêmica em reunião de craques na Soccerex e acaba confrontado por jornalista conterrâneo.


Tinha tudo para ser um encontro amigável e de pura nostalgia. E nada disso faltou quando o português Eusebio, o inglês Bobby Robson, o brasileiro Carlos Alberto Torres, o argentino Ardilles e o holandês Ruud Gullit dividiram a mesa na tarde desta terça-feira, a convite da Soccerex, feira de negócios do futebol que acontece no Forte de Copacabana, no Rio. Mas o craque luso roubou a cena na reta final quando lamentou as atitudes de Pelé em campo contra os zagueiros e ainda disse que Garrincha, "paralítico" foi o melhor jogador do país em todos os tempos.
O assunto eram as conquistas mundiais da Seleção entre 1958 e 1970 - a última capiteanada por Torres, autor do quarto gol sobre a Itália, na final. E a decepção canarinho, nesse meio tempo, ocorreu em 1966, justamente contra Portugal. Os europeus sempre foram acusados de terem sido violentos e, assim, machucado ainda mais um Pelé à meia-bomba. E Eusebio rebateu com relatos de episódios anteriores no confronto entre os países.
- Fiquei triste com Pelé, porque não esperava que batesse até no rosto dos zagueiros portugueses (em duelo pela Copa das Nações, em 1964). Vocês não lembram das maldades dele, não é? Não se pode reclamar. Para levar vantagem, Pelé era muito violento às vezes. Não tiro seu valor nem sua categoria. E sou até mais amigo dele do que ele é de mim, se você quer saber. Cheguei a dizer para ele no jogo: "Ô, Pelé, pelo amor de Deus! Não há Cassius Cley aqui (o legendário boxeador, também conhecido como Mohammed Ali) - contou Eusebio, arrancando risadas constragidas de muitos, mas claramente usando um tom sério.
Aproveitando o gancho da discussão precedente sobre a comparação entre craques do passado e do presente, o português leventou outra questão. Novamente, sem papas na língua.
- E ainda digo o seguinte: houve um brasileiro melhor do que Pelé. Era Garrincha. Tinha a perna torta assim (indicando com o braço), e outra esticada normal. Como podia fazer aquilo tudo com essas dificuldade? Era um paralítico! E jogou bola... Muito melhor do que todos nós. Mas como Garrincha era do povo, gostava de outra bebida que não era exatamente a água, ficou marginalizado - lamentou.
Fonte: Ge

Roth confirma saída do Grêmio e se despede no Gre-Nal. Caio Jr. é opção

Nome mais forte para substituir o treinador é Caio Júnior


Celso Roth ingressou no gramado principal do Estádio Olímpico às 16h12m da tarde desta terça-feira. Sorridente, entrou brincando com funcionários. Parecia um dia comum, mas não. Nos dez minutos anteriores, estava em reunião com o grupo gremista para anunciar a saída do comando. A oficialização foi logo após o treinamento, em entrevista coletiva.
- Quero comunicar vocês todos que vou cumprir meu contrato até o dia 31 de dezembro. Não continuarei. É uma decisão tomada por mim junto com a direção do Grêmio – contou o treinador.
Diante disso, a despedida está marcada para o Gre-Nal do próximo domingo.
No treinamento, tudo seguiu da mesma forma que sempre. Roth olhou para o grupo de garotos que estava no banco aguardando os profissionais e brincou:
- Vai pegar fogo hoje.
Celso Roth no Grêmio (Foto: Diego Guichard  / GLOBOESPORTE.COM)Roth comanda seu último treino à frente do Tricolor (Foto: Diego Guichard / GLOBOESPORTE.COM)
Roth agradeceu a torcida do Grêmio, a diretoria e todo grupo de trabalho.
- Achamos por bem comunicar antes para nos focarmos exclusivamente no Gre-Nal – acrescentou.
Durante a tarde, já era conhecido que o diretor executivo de futebol Paulo Pelaipe estava no Rio. No Grêmio, a desculpa era de que participaria do evento Soccerex. Há a especulação de que ele teria encontro com Vanderlei Luxemburgo, técnico do Flamengo, ou com Baidek, empresário de Caio Júnior.
A opção mais forte no momento atende por Caio Júnior. Criado no Olímpico em seus tempos jogador, o técnico daria preferência ao clube gaúcho caso se confirme o interesse.
A garantia parte de Baidek. Ex-zagueiro campeão do mundo pelo Grêmio, o empresário de Caio Júnior revelou ao GLOBOESPORTE.COM que o técnico tem em mãos três propostas de grandes clubes do país, além do interesse do Oriente Médio.
No entanto, Baidek não confirmou se Caio Júnior chegou a receber sondagens do Grêmio, e só falará publicamente em nomes após o término do Brasileirão, no próximo domingo, por "respeito" aos treinadores empregados.
- Pelo carinho que o Caio tem, já que foi criado no Grêmio, claro que daria preferência - sinalizou o empresário.
Fonte: Ge

Lesionado, jogador brasileiro desfalca Lille e só volta 2012

Atacante brasileiro Túlio de Melo ficará afastado dos gramados por cerca de seis semanas e só retornará aos gramados no ano que vem


Tulio Melo Lille (Foto: AFP)Tulio Melo comemora gol pelo Lille (Foto: AFP)
O Lille terá um grande desfalque nos próximos jogos da equipe, lamenta o site oficial do clube francês. Com fortes dores na coxa, o atacante brasileiro Túlio de Melo ficará afastado dos gramados por cerca de quatro a seis semanas, depois de sofrer uma grave lesão na vitória do Lille sobre o Brest por 2 a 0, pela 15ª rodada do Campeonato Francês.
O jogador, de 26 anos, foi substituído aos 27 minutos do segundo tempo em função de um rompimento de um tendão da perna direita.
Desta forma, o atacante só voltará aos campos em 2012. O Lille ocupa nesta altura o terceiro lugar do Campeonato Francês, com 28 pontos conquistados
Fonte: GE
.

Susto: sequência de raios no CT abrevia treino do Palmeiras

Atividade com jogadores reservas dura apenas 45 minutos, e alguns saem de campo assustados com intensa chuva em São Paulo


Poucos jogadores do Palmeiras apareceram em campo na tarde desta terça-feira, apenas aqueles que não participaram da vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, domingo, no Pacaembu. No entanto, os suplentes tiveram apenas 45 minutos de trabalho no gramado da Academia de Futebol. Enquanto os titulares ficaram na academia fazendo reforço muscular, os demais levaram um susto com a intensa chuva que castigou a região do CT – uma sequência de raios perto dos campos fez a comissão técnica encerrar a atividade mais cedo.
raio treino palmeiras (Foto: Marcos Ribolli/GLOBOESPORTE.COM)Chuva e raios interromperam treino do Palmeiras nesta terça (Foto: Marcos Ribolli/GLOBOESPORTE.COM)
Entre os reservas estava o goleiro Marcos, que foi o último a deixar o gramado, praticamente ensopado pela chuva. Outros saíram correndo, assustados com a possibilidade de novos raios. Todos se abrigaram nos vestiários e, minutos depois, com a manutenção da chuva, o treino foi definitivamente cancelado.
Dispensados, os jogadores voltam às atividades na tarde desta quarta-feira, novamente no CT. Se as condições ajudarem, o técnico Luiz Felipe Scolari deve comandar um treino coletivo para começar a preparação do duelo contra o Corinthians, domingo, às 17h (de Brasília), no Pacaembu. Sem aspirações no Campeonato Brasileiro, o Verdão joga pela dignidade e para tentar tirar o título nacional do maior rival
Fonte: Ge

Atlético-MG nega proposta milionária de clube russo para vender Bernard

Equipe teria oferecido 7 milhões de euros pelos direitos federativos do jogador.


O Atlético-MG recusou uma proposta de 7 milhões de Euros pelos direitos federativos do meia Bernard. A proposta foi feita por um clube russo, não revelado, e negada de imediato pelo presidente Alexandre Kalil, segundo a assessoria de imprensa do Galo.
Bernard foi revelado nas categorias de base. Emprestado ao Democrata de Sete Lagoas, foi artilheiro da Segunda Divisão do Campeonato Mineiro em 2010. De volta ao Galo, em 2011, teve chances com Dorival Júnior no estadual e na Copa do Brasil, mas só se firmou no time titular com Cuca. Bernard já disputou 27 partidas com a camisa do Atlético-MG e ainda não marcou gols.
O contrato do jogador com o clube vai até o final de 2014.

Fonte:GE




Preocupação: problema na panturrilha tira D’Ale de treino

Jogador sai de campo no meio do treinamento e vai para o vestiário. Pode ser desfalque no Gre-Nal.


D'Alessandro machucado (Foto: Alexandre Alliatti / Globoesporte.com)D'Alessandro deixa o treino com dores
(Foto: Alexandre Alliatti / Ge)
A imagem não pode ser mais preocupante para torcedores que tratam D’Alessandro quase como sinônimo de Gre-Nal. O argentino treinava normalmente nesta terça-feira, na reapresentação do elenco colorado. De repente, sentiu dores na panturrilha da perna esquerda. “El Cabezón” saiu de campo mancando. Levou as mãos ao rosto. Em seguida, desabou na beira do campo, para ser atendido pelos médicos. Tinha expressão de dor.
D’Alessandro se machucou sozinho. Ele não seguiu no treino - em que era um dos destaques, com dois gols. Foi mancando até o vestiário, acompanhado por fisioterapeutas. Desde já, é preocupação para o Gre-Nal de domingo.
E uma preocupação das grandes. O jogador costuma ser uma referência no clássico. Em 12 duelos com o Grêmio, marcou cinco gols.
O departamento médico vai se pronunciar até o fim da tarde sobre a situação do camisa 10. É improvável que dê um parecer definitivo. O atleta já está em observação.
No último Gre-Nal, D’Alessandro não jogou. E o Inter, no Olímpico, levou 2 a 1 do Grêmio, pelo primeiro turno do Brasileirão.
Outro meia, Ilsinho, também se machucou. Teve torção no tornozelo esquerdo. Saiu de campo caminhando, mas com uma proteção no local.
Fonte:ge

Andrés e Dinamite se encontram e trocam abraços na Soccerex

'Um dos dois vai chorar', brinca o presidente corintiano. Timão e Vasco são as duas únicas equipes com chance de levar o título de campeão brasileiro.



Com seus times à espera de conquistar o título de campeão brasileiro, Andrés Sanches, presidente do Corinthians, e Roberto Dinamite, mandatário do Vasco, encontraram-se nesta terça-feira durante a Soccerex, convenção internacional de futebol realizada no Rio de Janeiro. Os dois trocaram abraços, conversaram rapidamente e depois se despediram. Mais tarde, em entrevistas separadas, falaram sobre o que os aguarda na rodada final do Brasileirão.
- Logicamente que o melhor time será campeão, e um dos dois vai ser vice e vai chorar. Mas o Roberto é um grande amigo, temos que brigar dentro de campo. Fora do campo um depende do outro, os problemas são os mesmos, só muda o tamanho - disse Andrés Sanches.
andres sanchez corinthians roberto dinamite vasco  Soccerex (Foto: Divulgação/Soccerex)Roberto Dinamite e Andrés Sanches conversam na Soccerex (Foto: Divulgação/Soccerex)
Dinamite, por sua vez, exaltou o momento do Vasco e destacou a importância de conquistar a taça no domingo.
 - O título é importante para confirmar o trabalho que está sendo feito. Claro que dependemos de outro resultado (do jogo entre Corinthians e Palmeiras), mas temos que primeiro fazer a nossa parte em um jogo dificílimo contra o Flamengo. Mas o Vasco tem condições de vencer. Eu quero ser campeão porque acho que essa é a forma de ter o trabalho reconhecido. O torcedor está esperando o título, eu quero ser campeão e se Deus quiser vou ser campeão - declarou.
Corinthians e Vasco chegam à rodada final do Brasileirão separados por dois pontos. O Timão encara o Palmeiras no Pacaembu, enquanto o Vasco tem pela frente o Flamengo, no Engenhão. Para deixar escapar o título, o Corinthians tem de perder seu jogo e ainda que o Vasco vença o clássico carioca. A bola rola para as duas partidas às 17h (de Brasília) deste domingo.
 
fonte:ge

Affiliates



Facebook Pages

/Escolha Seu Idioma

mais lidas

/Video do Dia

Créditos: Nielton Dias/Vipcomm Tv
Assista mais Videos

Campeonatos

O que achou do nosso site?

Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget